Mark Jansen sobre o After Forever: "Eu estou sempre aberto para um verdadeiro show de reunião!"

A MetalConcerts teve a oportunidade de entrevistar o Mark Jansen, guitarrista e líder do Epica sobre futuro da banda, novo álbum, seu passado no After Forever e é claro sobre os shows que a banda fará em outubro no Brasil, em comemoração aos 10 anos do lançamento do álbum “Design Your Universe”. Confira abaixo como foi este bate-papo:

MetalConcerts: Olá, Mark! Como você está? Espero que esteja bem! Primeiramente, agradeço por sua atenção e tempo.

MetalConcerts: O Epica está retornando ao Brasil em comemoração aos 10 anos do lançamento do álbum “Design Your Universe”. O que podemos esperar destes shows, vocês pensam em tocar o álbum na integra? Seria incrível se isso ocorresse!

Mark Jansen: Vamos tocar o álbum inteiro ou a grande maioria dele. Nós ainda temos que ver o que se encaixa melhor no setlist que temos em mente e combiná-lo com algumas outras faixas legais mais antigas. Queremos fazer algo especial nestes shows e notamos que nossos fãs também estão muito ansiosos para eles. O álbum possui 10 anos e ainda está muito vivo.

MetalConcerts: Todos os álbuns do Epica são conceituais e tratam sobre temas profundos como existência da vida e física quântica. Sei que você é o principal escritor, como funciona o processo de escrita das canções? Sobre o tema de cada um dos álbuns, a banda escolhe a temática em conjunto ou é com base nas letras escritas?

Mark Jansen: O tema principal geralmente vem de livros (científicos) que estou lendo. Fico fascinado por certos tópicos sobre os quais quero saber mais então desenvolvo e adiciono minhas próprias idéias a eles. Eu tenho uma experiência científica e é divertido trabalhar com os grandes tópicos da vida. Geralmente eu também faço o título do álbum, mas sempre discutimos isso dentro da banda.

MetalConcerts:  O “The Holographic Principle” foi lançado em 2016, quais são os planos para o futuro do Epica?

Mark Jansen: No momento, estamos trabalhando em um novo álbum, que acabamos de começar. Ainda está na fase inicial do desenvolvimento, mas pretendemos entrar no estúdio no início de 2020.

MetalConcerts:  Você já pensou na temática do próximo álbum da banda? Se sim, há algo que você possa adiantar para nós, em primeira mão?

Mark Jansen: Definitivamente, teremos novos tópicos interessantes para serem discutidos, a partir do momento em que eu começar a trabalhar nas letras. Ainda lerei mais alguns livros novos, então, a essa altura, eu ainda não sei. No entanto, o novo álbum será o 8º álbum de estúdio e um 8 de lado é o símbolo do infinito, então certamente este tema fará parte das letras.

MetalConcerts:  Você possui o MaYaN na qual você é o frontman. Qual a principal diferença do processo de criação das letras e músicas destas 2 bandas, para você?

Mark Jansen: No MaYaN eu só canto e não toco guitarra, então é uma forma completamente diferente de experenciar um show. Também bem menos trabalho para estudar um setlist para me apresentar ao vivo, hahaha!

No Epica eu tenho que estudar os vocais e as guitarras antes de cada show. Os vocais eruditos do MaYaN faziam parte especialmente dos dois primeiros álbuns da banda e tinham mensagem política. No terceiro álbum as letras são mais espirituais. As letras de Epica sempre falam mais sobre ciência e espiritualidade. Eu realmente acho que quando ambos os temas se encontram no meio, podemos fazer grandes progressos relacionados às grandes questões da vida.

MetalConcerts: Não quero causar polêmica com esta pergunta, mas você sente saudade de sua época no After Forever? Você acredita em alguma possibilidade de algum show comemorativo? Você estaria aberto a essa possibilidade? Particularmente eu sou muito fã de toda sua carreira desde o AF!

Mark Jansen: Eu tenho ótimas lembranças do meu tempo de After Forever e sinto falta de tocar essas músicas. É por isso que incluímos algumas músicas do AF em alguns shows do MaYaN. Os fãs adoram ouvi-las ainda. Eu estou sempre aberto para um verdadeiro show de reunião e espero que isso aconteça no futuro, mas isso não vai acontecer em breve, acredito.


Mark Jansen em São Paulo em 2012. Foto: Bárbara Martins

MetalConcerts: Há algo de novo da cena “Metal” que você esteja escutando? Fora da cena “Metal”, há algo que você escute, goste e que surpreenderia a todos ou algo que você esconda até mesmo de seus amigos e namorada e pode nos contar, hahaha?

Mark Jansen: Eu não escondo meu gosto músical de meus amigos e namorada, hahaha! Eu realmente discuti ontem os chamados “prazeres culposos” (guilty pleasures) com meu amigo Adam (vocalista do MaYaN) e nós dois concordamos que não há nada para se envergonhar, então até tocamos músicas como “Shout” de “Tears for Fears” por minha escolha “Crazy” de “Gnarls Barkey”, por escolha dele. Nós dois somos criados nos anos 80, muitas músicas dos anos 80 se foram e é ótimo aproveitá-las hoje em dia. Eu não entendo porque alguém esconderia essas coisas de outras pessoas, hahaha!

MetalConcerts: Agradeço você por sua atenção e tempo. Existe alguma mensagem que queira deixar aos fãs brasileiros?

Mark Jansen: Muito obrigado e não vejo a hora de voltar ao Brasil! Vocês estão sempre nos recepcionando de forma calorosa então vamos celebrar os 10 anos de Design Your Universe juntos!

Com realização exclusiva da Liberation Tour Booking, O Epica estará no Brasil se apresentando em comemoração aos 10 anos do lançamento do álbum “Design Your Universe”, especialmente em São Paulo (26/10 - Tropical Butantã) e Rio de Janeiro (27/10 - Circo Voador).

Confira o serviço completo sobre os shows aqui.

Agradecimentos ao Costábile Salzano da The Ultimate Press pelo espaço cedido e ao Mark Jansen pela entrevista.

Pesquisa

Redes Sociais

Newsletter