Lacrimosa - Carioca Club, São Paulo - 23/04/2013

Por Rogério Talarico
Fotos por Bárbara Martins



Formado em 1990, com dois álbuns de estúdio, três Dvd´s e uma enorme legião de fãs, os alemães do Lacrimosa retornaram ao Brasil depois de quase 3 anos para mais uma bela apresentação.

A banda composta por Dirk Wolff e Jay P. nas guitarras, Yenz Leonhardt no baixo e Manne Uhlig na bateria entraram no palco do Carioca Club e pontualmente às 21h e, após uma sombria introdução, Anne Nurmi subiu aos palcos e iniciou “Ich bin der brennende Komet”, e então, somente após de algumas palavras que Tilo Wolff apareceu, causando euforia no público que lotava somente metade da casa de shows, talvez sendo pela escolha da data do show, que caiu numa terça feira.

A sombria “Schakal” foi tocada, seguida pelo grande single “Alleine zu Zweit”, foi cantada a plenos pulmões pelo público, sendo sem dúvidas um dos pontos altos do show. O público foi presenteado com “Not Every Pain Hurts”, “Apart” e “If the World Stood Still a Day”, todas cantadas por Anne e, nesta ultima, Tilo assumiu um teclado que foi posto no meio do palco, se tornando um momento mais intimista com o público. Com Tilo assumindo novamente os vocais principais, a agitada “Ich Verlasse Heut' Dein Herz” contou com um bom solo de Dirk Wolff. “Feuerzug” foi executada e o clima presente realmente lembrava um grande circo pela sonoridade desta canção.

Mais um grande single, a bela “Der Morgen Danach” do disco “Fassade” foi tocada, para alegria de muitos fãs.  Ainda antes do costumeiro ‘bis’, Tilo anunciou a alegre “Irgendein Arsch ist immer unterwegs” em que ele interagiu com sua banda pela primeira vez no show, a rápida “Liebesspiel”, em que o clima sombrio esvaeceu-se e fechou a primeira parte do show com Tilo assumindo uma guitarra para a execução da pesada e industrial, “Revolution”.

Poucos minutos passaram-se e a banda retornou para execução de “Feuer” do álbum “Sehnsucht” e também da conhecida “Stolzes Herz”, com a banda novamente se despedindo, agradecendo o público.  Segundos depois dessa outra saída dos palcos, as luzes do Carioca Club acenderam-se indicando que a banda retornaria. Com todos no palco mais uma vez, deu-se início a obrigatória “Copycat” com o público entoando em uníssono, essa clássica música da banda. Com o público satisfeito após 2 horas de show, a banda se retirou dos palcos agradecendo e reverenciando seu fiel público, que compareceu e certamente saiu realizado nesta noite de terça feira no Carioca Club.

 

Set List:

Ich bin der brennende Komet
Schakal
Alleine zu Zweit
Alles Lüge
Not Every Pain Hurts
Verloren
Ohne Dich ist Alles Nichts
Weil Du Hilfe brauchst
Apart
If the World Stood Still a Day
Ich Verlasse Heut' Dein Herz
Feuerzug
Der Morgen Danach
Irgendein Arsch ist immer unterwegs
Liebesspiel / Fassade - 3. Satz
Rote Sinfonie
Revolution

Encore:
Feuer
Stolzes Herz

Encore 2:
Copycat



Agradecimentos a Heloísa Vidal da Brasil Music Press e a FreePass pela atenção e credenciamento.

Pesquisa

Redes Sociais

Newsletter