Guns N’ Roses – The Joint, Hard Rock Hotel & Casino, Las Vegas - EUA (07/11/2012)

Assim como ocorreu no começo de 2012, quando o MÖTLEY CRÜE anunciou uma temporada de shows seguidos em Las Vegas, o que se costuma chamar de “residência”, em razão da repetição de apresentações em um mesmo local, em novembro foi a vez do GUNS N’ ROSES agendar essa temporada no The Joint, casa de shows do Hard Rock Hotel & Casino.

Intitulada “Appetite For Democracy”, numa alusão ao nome do principal disco da banda e ao mais recente trabalho do reformulado GUNS N’ ROSES, a sequência de shows em Las Vegas começou, na verdade, na noite de Halloween (31/10/2012).

O site Metalconcerts.net pôde conferir uma dessas apresentações no último mês de novembro, curiosamente um dia depois da apresentação do guitarrista SLASH em São Paulo, show também com cobertura deste portal.

Mas diferenças entre uma banda e outra e rixas entre Axl e Slash a parte, a ideia aqui é contar um pouco dessa apresentação do GUNS N’ ROSES em Vegas e de todo o clima que envolveu essa turnê na cidade do pecado.

Por Otávio Juliano, colaborador do Whiplash! & MetalConcerts.net.

Para nós brasileiros que estamos acostumados a receber bandas do porte do GUNS em estádios ou em grandes espaços, foi uma experiência muito interessante poder ver o grupo em uma casa menor (o The Joint tem capacidade para cerca de 4000 pessoas e havia lugares sentados, com apenas a parte frontal no formato pista).

Marcado para 21hs, claro que Sir. Axl Rose não iria dar as caras no palco no horário. Somente 22:40h ele e sua banda apareceram, sob explosões e muitas luzes coloridas, ao som dos primeiros riffs de “Chinese Democracy”, sem dúvida uma ótima música para se começar a apresentação.

Depois do começo com uma canção do último álbum de 2008, Axl e sua inflada banda partiram para algumas das canções mais esperadas pelo público, como “Welcome To The Jungle” e It’s So Easy”, do aclamado “Appetite For Destruction”.

A estratégia para ganhar a simpatia do público deu certo e, com exceção de “Estranged” e do solo de Richard Fortus, o show seguiu com músicas do “Appetite For Destruction” até “Live And Let Die”, quando se viu novamente muitas explosões no palco e um jogo de luzes muito bonito, principalmente na parte acelerada do final da canção.

Las Vegas estava “respirando” GUNS N’ ROSES. Com propagandas espalhadas por toda a cidade, a sequência de shows era promovida por todo o canto. E não era para menos, afinal se até Axl Rose resolveu ir a público dar uma entrevista ao vivo depois de muitos anos e divulgar a turnê, a publicidade em cima de “Appetite For Democracy” seria grande mesmo (nota do Redator: entrevista concedida ao apresentador de televisão Jimmy Kimmel, para o programa Jimmy Kimmel Live!, em Los Angeles, no dia 24 de outubro de 2012).

Além da cidade, o Hard Rock Hotel & Casino, onde se localiza o The Joint, também não ficou atrás na divulgação da residência do GUNS N’ ROSES em Vegas. Logo na entrada se viam expostas algumas roupas usadas por Axl em turnês passadas, além de um carro pertencente à coleção do vocalista.

A estrutura do palco estava montada com duas pequenas passarelas laterais que avançavam para o público e Axl, no seu melhor estilo, corria de um lado para o outro, em algumas ocasiões para interagir com as dançarinas escaladas para animar algumas canções. O vocalista ainda desfilava suas jaquetas de couro, nas cores preta, verde e até laranja.

Quando resolveu assumir o piano para um trecho de “Another Brick In The Wall Part II” (PINK FLOYD), já se sabia que viria em seguida “November Rain”. Mas o inesperado ficou por conta do fato de que Axl e o piano se deslocaram para cima do público que estava na pista, deixando todos os presentes com os olhos fixos naquela grande estrutura “flutuante”.

Muitas músicas depois e mais de 2 horas e meia de apresentação, Axl resolveu então encerrar com a “Nightrain”. A volta para o bis se deu ao som de três baladas, duas delas do disco “Chinese Democracy” e ainda “Patience”, do álbum “G N’ R Lies”.

O final apoteótico, ao melhor estilo KISS de encerrar um show, veio com “Paradise City” e muito papel picado, luzes coloridas, correria dos músicos e do vocalista de um lado para o outro, além de muitas explosões.

Uma verdadeira “maratona” de 3 horas e 10 minutos, que se encerrou quase às 2 horas da madrugada. Apesar de um show repleto de clássicos e grandes canções, é inegável que você sai cansado de uma apresentação tão longa.

Mas as apresentações da versão atual do GUNS N’ ROSES seguem os desejos de Axl e parece que sua ideia de grande show não muda: atrasos longos e set list igualmente longo, recheado com muitos solos individuais e algumas das chamadas jams entre os 7 integrantes da banda.

De qualquer maneira, como citei acima, poder curtir o som da banda em uma casa relativamente pequena se comparada aos estádios ou festivais como Rock In Rio, nos quais o GUNS N’ ROSES toca por aqui no Brasil, foi, no mínimo, diferente, servindo para constatar que essa lenda do Hard Rock ainda (sobre)vive e atrai muita gente para vê-la, mesmo que bastante desfigurada se comparada com a formação de sucesso das décadas de 80 e 90.

Banda:

 

Axl Rose – vocal, piano
Dizzy Reed – teclado
Tommy Stinson – baixo, vocal
Chris Pitman – teclado
Richard Fortus – guitarra
Frank Ferrer – bateria
Ron "Bumblefoot" Thal – guitarra, vocal
DJ Ashba – guitarra

 

Set List:

1. Chinese Democracy
2. Welcome to the Jungle
3. It's So Easy
4. Mr. Brownstone
5. Estranged
6. Rocket Queen
7. Solo Richard Fortus
8. Live and Let Die (WINGS)
9. This I Love
10. Better
11. Motivation (Tommy Stinson no vocal)
12. Solo Piano Dizzy Reed
13. Catcher in the Rye
14. Street of Dreams
15. You Could Be Mine
16. Solo DJ Ashba
17. Sweet Child O' Mine
18. November Rain
19. Glad to Be Here (Bumblefoot no vocal)
20. Don't Cry
21. The Seeker (THE WHO)
22. Used to Love Her
23. Don't Let It Bring You Down (NEIL YOUNG)
24. Civil War
25. Knockin' on Heaven's Door (BOB DYLAN)
26. Nightrain

Bis:

27. Madagascar
28. There Was a Time
29. Patience
30. Paradise City

 

Agradecimentos ao Otávio Juliano pela matéria e fotos realizadas.

Pesquisa

Redes Sociais

Newsletter