Cruachan - Blackmore Rock Bar, São Paulo - 12/10/2011

Por Lais Tomaz
Fotos por Bárbara Martins

No último feriado, dia 12 de Outubro, São Paulo recebeu pela primeira vez um dos principais precursores do Folk Metal mundial, o Cruachan, banda irlandesa que mostrou sua cultura e história através de suas belas canções.

O show produzido pela Dark Dimensions tomou lugar no clássico Blackmore Rock Bar e já as 19:40 horas começava o show da banda de abertura, Lóchrann, entre músicas mais calmas e agitadas, eles animaram o público com canções marcadas por melodias tradicionais norte-europeias como a Moonlight Dance, demonstraram interação e principalmente amor pela cultura lá celebrada.

Sem muita demora, às 21h, descalços e vestidos com roupas típicas os membros da banda Cruachan entravam no palco enquanto uma música gloriosa e os gritos do público davam uma prévia do que viria a ser um ótimo show.

Invoke the Horned God e Maeves March, canções do primeiro álbum da banda, deram ínicio ao show, após algumas palavras em português e agradecimento ao sempre bem receptivo público brasileiro de Folk Metal, o show teve continuidade com a pesada Pagan Hate.

Contando com a voz e energia da talentosa Juliana Rossi (Hevorah e Ravenland), cantora  escolhida através de um concurso para substituir a antiga vocalista em solo brasileiro, músicas que contam histórias dos conflitos irlandeses Bloody Sunday/Brian Boru e The Great Hunger emocionaram a plateia e sem mais delongas outra música do último álbum foi executada, Thy Kingdom Gone, acentuando a evolução de sonoridade da banda.

Primeval Odium animou o público com a boa mistura entre os vocais agressivos do multistrumentista Keith Fay e doces da brasileira Juliana Rossi. Some Say The Devil is Dead, com seu refrão contagiante, e Pagan, ambas canções do mesmo álbum foram bem executadas e contaram com grande suporte da plateia apesar de pequenos problemas técnicos durante a apresentação. Contando com mais agradecimentos ao calor e alegria do público foi a vez de The Morrigans Call e I am Warrior agitarem os fãs.

Após uma pequena pausa preenchida pelas vozes pedindo pela volta dos integrantes ao palco os primeiros acordes de Ride On, talvez a música mais esperada da noite, foram iniciados. Uma bela e emocionante performance assim encerrou mais um bem sucedido show de Folk Metal em território brasileiro trazido pela Dark Dimensions.

Setlist:

1. Invoke the Horned God
2. Maeves March
3. Pagan Hate
4. Bloody Sunday / Brian Boru’s March
5. The Great Hunger
6. Thy Kingdom Gone
7. Ossians Return
8. Primeval Odium
9. Some Say the Devil is Dead
10. Pagan
11. The Morrigan’s Call – I am Warrior
12. Ride On

Pesquisa

Redes Sociais

Newsletter