19/09/2017 Pet Shop Boys - Espaço das Américas, São Paulo/SP

Esta semana o PET SHOP BOYS desembarca no Brasil com a turnê do elogiado álbum Super. O duo, que se apresentará em cinco cidades brasileiras, chega a São Paulo no dia 19 de setembro (terça-feira) para única apresentação no Espaço das Américas. Os ingressos estão à venda pelo site www.ingressorapido.com.br e podem ser parcelados em até 10 vezes sem juros.

Desde os anos 80, o PET SHOP BOYS criou alguns dos maiores hits da música pop mundial, como “It´s a Sin”, “Domino Dancing” “West and Girls”. Também tiveram grande sucesso com a regravação de “Always On My Mind”, de Elvis Presley, e “Go West”, do Village People. Em mais de 25 anos de carreira, Neil Tennant e Chris Lowe colaboraram com diversos artistas de sucesso, como Madonna, U2, Liza Minelli e Lady Gaga. Em 2016, lançaram o álbum Super e iniciaram uma turnê que já passou pela Alemanha, Holanda, Canadá e Estados Unidos, sempre com ingressos esgotados.

PET SHOP BOYS
Depois do enorme sucesso da The Super Tour nos Estados Unidos, Canadá, Holanda e Dinamarca, o Pet Shop Boys anuncia as datas para shows na Alemanha e América Latina. No repertório os maiores sucessos da carreira e músicas do álbum Super. 

A cenografia da The Super Tour foi criada pelo designer Es Devlin e o coreógrafo Lynne Page. Os arranjos são de Stuart Price, que produziu o álbum Super. Os shows no Royal Opera House, em Londres, tiveram uma temporada de grande sucesso com ingressos esgotados. “Uma experiência viva, cheia de efeitos visuais e lasers espetaculares” segundo o jornal The Independent. “Um show envolvente que engloba a cultura dos clubes, teatro, cinema, a sátira política com grandes efeitos de laser”, escreveu o Dayly Telegraph.

Há mais de 25 anos, o Pet Shop Boys é considerado um dos mais inovadores artistas pop ao incorporar elementos modernos de multimedia e teatro em suas produções. O duo já trabalhou em parceria com nomes, como Derek Jarman, Zaha Hadid e Sam Taylor-Johnson.

O álbum Super entrou em terceiro lugar nas paradas do Reino Unido e da Alemanha e já é o décimo sexto álbum no Top Ten do Reino Unido. O primeiro single "The Pop Kids" alcançou o #1 Dance Club na parada da Billboard e o Pet Shop Boys são o artista masculino mais bem sucedido dos últimos tempos.

Mais informações: www.petshopboys.com

PayPal inova e realiza pré-venda inclusiva
Diferentemente de outras pré-vendas, que tendem a ser exclusivas para os clientes da empresa patrocinadora, o PayPal reforça seu compromisso como carteira eletrônica inclusiva para todas as “cores e bandeiras” – todo mundo pode criar uma conta, em qualquer momento, sem nenhum custo, basta ter um cartão de crédito válido. Assista ao vídeo <https://www.youtube.com/watch?v=dlSU9HrtOe4&feature=youtu.be e conheça mais sobre este conceito de inclusão do PayPal para as pré-vendas.
Alinhados à característica inclusiva do PayPal, os organizadores dos eventos explicam que, dependendo da procura, os ingressos disponíveis online podem esgotar-se durante a pré-venda. Portanto, a recomendação é de que os fãs certifiquem-se de que suas contas do PayPal e da Eventim (http://www.eventim.com.br/) em Brasília e Ingresso Rápido (http://ingressorapido.com.br ) em São Paulo estão atualizadas antes do início das vendas e não esperem o fim da pré-venda para comprarem seus ingressos pela internet. 

Os fãs interessados em adquirir ingressos que ainda não têm conta PayPal podem criar gratuitamente a sua antes ou até mesmo no momento da compra de maneira prática, rápida e segura. Uma vez criada a conta PayPal, a compra pode ser feita apenas com login e senha e o usuário não precisará mais digitar os dados do cartão de crédito.

As informações de como criar uma conta PayPal, resgatar senha ou atualizar a forma de pagamento de uma conta já existente estão disponíveis na página www.paypalrocks.com.br, assim como uma lista de perguntas frequentes e dicas. 

Durante a pré-venda, os canais de atendimento ao cliente do PayPal estarão à disposição para atender dúvidas dos fãs:

Central de Atendimento ao Cliente PayPal: 0800-0474482 (disponível 24 horas por dia, 7 dias por semana) e redes sociais Twitter PayPal (https://twitter.com/paypal_br) e Facebook PayPal (https://www.facebook.com/PayPalBrasil/?fref=ts ).

Conheça e acesse: www.paypal.com/stories/br

SERVIÇO
SÃO PAULO
Data:
19/09/2017 (terça-feira) 
Local: Espaço das Américas
Endereço: Rua Tagipuru, 795 – Barra Funda
Horário: 22h
Abertura da casa: 19h30
Classificação Etária: 18 anos. Menores de 18 anos podem entrar acompanhados dos pais ou responsável maior de idade.

Ponto de venda sem taxa de conveniência:
A partir do dia 26 de Maio (sexta-feira) nas bilheterias da Espaço das Américas a partir das 13h00

Pontos de vendas sujeitos as taxas de conveniência: www.ingressorapido.com.br
Os ingressos podem ser parcelados em até 10X no cartão de crédito.

Ingressos
Setor
Inteira Meia-Entrada
Pista Premium          R$440,00                   R$220,00
Pista                        R$240,00                   R$120,00
Mezanino                 R$450,00                   R$225,00

 

Marilyn Manson lançará 10º LP dia 06 de Outubro

Marilyn Manson confirma a data de 6 de Outubro para o lançamento de Heaven Upside Down. Novo single “WE KNOW WHERE YOU FUCKING LIVE” passeia pelo sombrio e frenético território que fez de Manson a figura divina que é para tantos. As dez faixas de Heaven Upside Down foram gravadas em Los Angeles e criam uma atmosfera cinematográfica que retorna à ferocidade de seus maiores álbuns, como Portrait of an American Family eHoly Wood. No novo álbum, ele se reúne com o produtor e compositor de trilhas sonoras Tyler Bates, após a épica colaboração em seu aclamado álbum de 2015, The Pale Emperor.

Zane Lowe fez o lançamento mundial hoje no Beats1. Ouça aqui: http://found.ee/MM_Beats1-r

Temas de violência, sexo, política e romance passam por Heaven Upside Down. Manson pede aos fãs que prometam brutalmente sua devoção em “KILL4ME” e mergulha por diferentes gêneros e batidas na faixa “SAY10”, onde proclama “eu sou uma lenda, não uma fábula”. 

A música sensacionalista e a arte que rejeita valores conservadores de Manson criaram um ícone que infiltrou a moda, a televisão, o cinema e a música, e deixou sua marca por toda cultura moderna. Em uma carreira de 20 anos, Manson ainda é centro de controvérsias, e sua ostentação e devassidão continuam perfeitamente intactas. 

Em 27 de Setembro Marylin Manson inicia sua turnê mundial.

TRACKLIST DE HEAVEN UPSIDE DOWN:
1. Revelation #12 
2. Tattooed In Reverse
3. WE KNOW WHERE YOU FUCKING LIVE
4. SAY10
5. KILL4ME
6. Saturnalia
7. JE$U$ CRI$I$
8. Blood Honey
9. Heaven Upside Down
10. Threats of Romance


 

Review: Tales From The Porn – H.M.M.V. (2017)

Por Otavio Juliano

Quem gosta de Hard Rock dos anos 80 e vinha acompanhando toda a cena brasileira e notícias relacionadas ao gênero, talvez tenha lido ou ouvido falar por aí que Stevie Rachelle, responsável pelo portal Metal Sludge e líder do Tuff, havia aceitado participar de um projeto capitaneado por músicos do Brasil.

A coisa toda ganhou forma e saiu do papel em meados de 2014, quando o guitarrista Andy Sun e o baixista Bento Mello (do Sioux 66) decidiram tocar a ideia adiante, tendo recebido o “sim” de Rachelle para ser o vocalista da banda.

Superados os desafios de se gravar um álbum com os músicos morando no Brasil e o vocalista nos Estados Unidos, o debut do “Tales From The Porn”, cujo título é “H.M.M.V.”, abreviação de “Heavy Metal Minha Vida”, saiu do forno ontem, dia 15/09, via Animal Records.

E tudo o que se espera de um bom disco de Hard Rock, especialmente calcado na cena Hair Metal dos anos 80, da qual a avenida hollywoodiana Sunset Strip era a referência, está presente: riffs característicos do estilo, vocal rasgado, refrãos grudentos e letras que remetem a garotas, festas, carros velozes, etc.

A verdade é que “H.M.M.V.” é um arregaço, um disco para o deleite de qualquer fã de Hair Metal que se preze, como este que vos escreve! Basta ouvir os primeiros minutos da faixa de abertura para perceber que algo de diferenciado se encontra neste disco, e não estou falando de algo inovador em termos de música, mas se a proposta era fazer um disco de Hard Rock, os caras tiveram (e muito) êxito nessa empreitada com o “Tales From The Porn”.

Um baita petardo do Hard Rock, que me obriga a escrever algumas rápidas palavras sobre cada uma das canções:

“Back to the 80's”: como disse acima, bastam alguns segundos do riff inicial para se perceber que o álbum promete. Típica música que poderia ter sido lançada em 1987 e teria sido fatalmente um sucesso. Na pegada de “Ratt” e do próprio “Tuff”, banda de Rachelle.

 “Runaway Lovers”: o grito de “oh yeah” na largada nos remete a um som na linha do “Def Leppard” e o que se tem aqui é um Hard Rock com excelentes backing vocals e linhas de guitarras mais pesadas, cheias de distorções.

 “Hot Girls Fast Cars”: uma das minhas preferidas, clássica letra de Hard Rock e com aquela levada própria do estilo, cheia de velocidade. Praticamente a “Kickstart My Heart” do “Tales From The Porn”, em referência à clássica canção gravada pelo “Mötley Crüe”. Não cometa o mesmo erro que eu, de ouvi-la dirigindo, pois o risco de acidente é altíssimo, por conta da empolgação que a música gera...

 “Tales from the Porn”: essa sim a minha preferida. Música que leva o nome da banda, com ritmo mais cadenciado, além de melodia e letras grudentas. O trecho “Hey Motherfucker, You Motherfucker, We Motherfucker” não vai sair da sua cabeça!

 “Perfect Love”: foi difícil chegar até aqui na primeira audição do álbum, pois as quatro canções iniciais soaram tão arrebatadoras, que preferi ficar ouvindo-as repetidas vezes e não partir para quinta faixa do disco, que inclusive já havia sido divulgada antes. Mas “Perfect Love” é igualmente merecedora de elogios, podendo ser considerada a “quase balada” do álbum, ainda que bem agitada também.

 “Girls Wanna Party (In Augusta Street)”: se o disco tivesse acabado na faixa anterior já estaria perfeito, mas a banda consegue dar continuidade ao ótimo trabalho com mais essa música, que lembra bastante o som da nova geração escandinava do Hard Rock, especialmente a banda sueca “Crashdiet”, trazendo uma referência à tradicional Rua Augusta, em São Paulo.

 “Let It Shake”: levada mais bluseira no início que se transforma em mais uma canção com riffs e melodias sensacionais, além de um belo solo na parte final.

 “Danger Zone”: cover da música originalmente gravada por Kenny Loggins, que fez parte da trilha sonora do filme “Top Gun – Ases Indomáveis”, lançado em 1986 e estrelado por Tom Cruise. Embora seja uma típica canção com pegada pop oitentista, o grupo conseguiu adicionar peso nessa versão e o resultado final ficou muito interessante.

 “Scary Movie”: como o próprio nome indica, a introdução traz um ar de filme de terror, lembrando canções como as compostas por “Wednesday 13” (artista solo e vocalista do “Murderdolls”). Talvez seja a que menos empolga do disco todo, mas não por ser ruim, longe disso, mas sim por ter ficado na difícil posição de ser a última faixa de um álbum recheado de pauladas do mais puro Hard Rock dos anos 80.

A intenção não era se alongar tanto no texto, mas um lançamento desse calibre merecia uma atenção especial, ainda mais em se tratando de um disco produzido no Brasil. Se você é fã de Hard Rock, Sleaze Metal, Hair Metal ou Glam, seja qual for o nome de sua preferência para o gênero, faça um favor a si mesmo e vá atrás desse disco, pois é diversão garantida. Podem me cobrar depois. Nota 10.

Vida longa ao “Tales From The Porn” e que venham shows da banda no Brasil.

Banda:

Andy Sun - guitarra
Bruno Marx - guitarra
Bento Mello - baixo
Ed Avian - bateria
Stevie Rachelle - vocal
Igor Godoi – teclado, backing vocals

Track list:

01. Back to the 80's
02. Runaway Lovers
03. Hot Girls Fast Cars
04. Tales from the Porn
05. Perfect Love
06. Girls Wanna Party (In Augusta Street)
07. Let It Shake
08. Danger Zone
09. Scary Movie

 

In Flames lança vídeos promocionais para shows no Brasil

Oito anos após maravilhosa estreia no Brasil, a cultuada banda sueca In Flames, um dos nomes mais venerados e revolucionários do rock/metal mundial dos últimos tempos, anunciou todas as datas da sua tão aguardada turnê promocional do excelente novo álbum “Battles” pela América Latina.

Anders Fridén (vocal), Björn Gelotte (guitarra), Niclas Engelin (guitarra), Joe Rickard (bateria) e Bryce Paul (baixo) parecem estar bastante ansiosos para começarem logo está excursão.

O grupo publicou vídeos para promover principalmente as quatro apresentações no País. Confira nos links abaixo:
19/10 - Music Hall BH - Belo Horizonte
20/10 - Circo Voador - Rio de Janeiro
21/10 - Via Marques - São Paulo
22/10 - Hermes Bar - Curitiba

Apesar da inicial grande procura, ainda há ingressos à venda em todas as capitais. Mais informações de como garantir presença no show mais esperado dos últimos tempos estão disponíveis nos serviços abaixo.

Com uma lista de hits como “Cloud Connected”, “Only for the Weak”, “The Quiet Place”, “Take This Life”, “Pinball Map”, “Trigger”, “My Sweet Shadow”, “Colony”, “The Mirror's Truth”, “Bullet Ride”, “System”, “Clay Man”, “Episode 666”, entre outros, o In Flames se estabeleceu como um fenômeno global.

O novo show celebra 23 anos de sucesso e o bem-sucedido novo álbum “Battles”, que logo na primeira semana de lançamento, estrou nas principais posições no Reino Unido, Estados Unidos, Canadá, Alemanha, Suécia Noruega, Finlândia, Austrália, Áustria, Bélgica, França, Espanha, Suíça.

“Battles” foi lançado no dia 11 de novembro de 2016 via Nuclear Blast Records. O 12º disco da carreira do In Flames foi gravado em Los Angeles ao lado de Howard Benson, produtor que já foi indicado várias vezes ao Grammy e trabalhou com Motörhead, Body Count, Sepultura, entre outros.

Formada em 1994, o In Flames é reconhecido como um dos precursores do movimento “New Wave of Swedish Death Metal” – popularmente conhecido como “Gothenburg Metal Sound” – ao lado de At The Gates, Dark Tranquillity e até Soilwork.

Após o lançamento dos álbuns “The Jester Race” (1996), “Whoracle” (1997), “Colony” (1999) e “Clayman” (2000), a banda saiu do anonimato para se tornar um ícone cult da cena heavy metal europeu. No entanto, foi com “Reroute to Remain” (2002), “Soundtrack to Your Escape” (2004), “Come Clarity” (2006), “A Sense of Purpose” (2008), “Sounds of a Playground Fading” (2011) e “Siren Charms” (2014), que o grupo chegou a figurar como o principal expoente do death metal mundial, invadir a capa das principais revistas especializadas e abrir as portas dos grandes festivais da Europa como Waken Open Air, Hellfest, Download, Rock Hard, Sweden Rock fest, dentre tantos outros.

A primeira e única e última passagem do In Flames pelo Brasil, aconteceu no histórico 15 de fevereiro de 2009. O show, sold out, foi considerado um dos melhores do ano. A performance do grupo levou os fãs à loucura ao executarem diversos clássicos da carreira e impressionante performance.

 

Massacration - Tropical Butantã, São Paulo - 26/08/2017

Por Rogério Talarico
Fotos por Bárbara Martins

No último dia 26 foi a vez de São Paulo presenciar a lenda, a única, a mítica, a maior banda de heavy metal de todos os tempos: Massacration! E eles não estavam sozinhos, toda a trupe do Hermes & Renato estavam com eles e o icônico personagem Boça foi o escolhido para receber o público e entreter o início do show.

Com umas “putas piadas boas, Meo”, Boça e seu enorme Nariz não apenas divertiu, como entreteu o publico até mesmo simulando que estava tocando um saxofone no melhor estilo “Kenny G”. A figura somente saiu de cena após o personagem Joselito esbofeteá-lo e retirá-lo do palco. Às 19h, o Deus Metal Detonator nos vocais, Metal Avenger e Red Head Hammet nas guitarras, El Muro no baixo e El Pero Loco na bateria entraram no palco do Tropical Butantã para gravar o primeiro DVD de sua carreira, sendo um marco para a história do rock quiçá da musica mundial.

O hino “Metal is The Law” foi a primeira tocada e empolgou todos os súditos do Massacration. Por ser gravação de DVD, o Deus Metal informou que a banda precisaria refazer a gravação e assim o fez, dando uma chance a quem não tinha animado na primeira execução da música.  Após as boas “Metal Milkshake” com a presença de um cover do Michal Jackson num petardo de “Beat It”, a clássica “The Mummy” começou e também contou com a presença especial, uma antiga múmia ressussitada do Egito e de um caricato cover do Egípcio, vocalista do Tihuana que originalmente canta a canção no álbum. “Cereal Metal” foi executada 2 vezes também, mas desta vez, por problemas técnicos e em “Metal Dental Destruction”, aconteceu uma catástrofe, após um apagão elétrico – Seria Apólo, o Deus da Luz mandando mensagens para o Deus do Metal? -, a banda se retirou do palco por cerca de 10 minutos.

No retorno, já com o incrível e atrasado guitarrista Headmaster no palco, infelizmente a banda deu a notícia de que pela queda de energia, haviam perdido o audio da gravação das primeiras canções executadas. Sem desanimar, continuaram com seu espetácuto musical e de humor. Foram tocadas grandes músicas da carreira da banda como ‘Metal Glu-Glu”, “Evil Papagali”, “Metal Milf” com a presença da Sabrina Boing Boing e as músicas mais esperadas da noite: “Metal Massacre Attack”, que foi ovacionada com o côro “Aruêêêêêêêê Aruôôôôôô” na mais bela invocação do Belzebu e também “Metal Bucetation”, a canção que é um marco na carreira da banda.

O show estava previsto para acabar com esta última canção citada, porém a banda retornou ao palco para agradecer o público e informar que regravariam as 4 primeiras canções perdidas na gravação e assim o fizeram, porém sem a participação da múmia em “The Mummy” pois provavelmente ela teria retornado para o Egito. Após 2h40min de puro metal, fanfarra, palhaçadas – e muitos problemas técnicos –, a épica apresentação que contou com importantes participações especiais se encerrou, com toda a turma do Hermes e Renato agradecendo firmemente todo o seu público pela atenção e paciência naquela divertida noite.

Set List:

Metal Is the Law
Metal Is the Law (Reprise)
Metal Milkshake
The Mummy
Cereal Metal
Cereal Metal (Reprise)
Metal Dental Destruction
The Bull
Metal Glu-Glu
Let's Ride to the Metal Land (The Passage Is R$1,00)
Evil Papagali
Massacration
Metal Milf
Metal Massacre Attack (Aruê Aruô)
Metal Bucetation

Bis:

Metal Is the Law
Metal Milkshake
The Mummy
Cereal Metal

Agradecimentos ao Costábile Salzano Jr. Da The Ultimate Press pela atenção e credenciamento.

 

Pesquisa

Redes Sociais

Newsletter